terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Referencial

[Primeiro lugar] "Não pretendemos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo.

[Em segundo lugar]"A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos. A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias. Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar "superado".

[E em terceiro lugar] "Quem atribue à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais aos problemas do que às soluções. A verdadeira crise, é a crise da incompetência. O inconveniente das pessoas e dos países é a esperança de encontrar as saídas e soluções fáceis. Sem crise não há desafios, sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um. Falar de crise é promovê-la, e calar-se sobre ela é exaltar o conformismo. Em vez disso, trabalhemos duro. Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la"

Albert Einstein


De fato, é como deve ser visto a crise; como deve ser enxergado, por pior que pareça a situação.

A crise (econômica, política, afetiva, social...; do país ou dos "vizinhos"; minha ou sua... - tanto faz) por Einsten, hoje serve de inspiração pra poster em meio a esses dias de chuva; a essa gripe que me consome o nariz; e ao corpo que só pede cama e pé bem quente.

Pois bem

Einstein, muito longe de tresvariar, rs, e sem colocá-lo no dilema politico-econômico, mas já o inserindo em linhas de vida, sabiamente uma vez disse que o "drible" para o domínio das situações mais dificieis está em nós. (vou direcionar o sentido da situação para dificuldades no nosso dia-a-dia tipo, - nada de nhênhê de amor - o trabalho da gente, que tem dia que é uma merda e vai acumulando e você sente aquela puta vontade de abandonar o barco e sair fora, mesmo que seja teu sustento no final mês; Ou a lida com as coisas&pessoas, quando acontece de você não conseguir entender o por quê de tanta briga besta com um amigo que você gosta... E, por isso, se pergunta por quê é tão difícil ficar bem, se é tão bom quando tudo tá bem? tudo isso, velho...) A gente vai vivendo, errando e aprendendo... Uns precisam mais, outros menos.

- Aaah tá bom vai, não é lá grandes coisa o que eu falei, mas a questão não é a observação que fiz, porque tem muita gente sim que sabe que a força verdadeira pra se vencer as coisas está em si próprio; como é certo que muita gente não sabe, não quer ou não acredita. Mas a questão aqui é a forma como fica fácil reforçar no texto de Einsten.

Superar as coisas não é fácil e não é assim, de um dia pro outro, mas acho a reflexão uma verdade. Cabe a cada um de nós superar a própria crise. Porque é por este motivo que ela existe. rs Para ser superada. Para que apredamos, através do trabalho duro de mudança, a fazer das dificuldades da nossa vida, meios de crescimento e reajuste com todas as coisas que estamos em falta. Seja em tentar solucionar o que está dando errado no trabalho, ou seja com a relação com o amigo. (fiquei meio espírita nesse finalzinho... rsrs)

Mas se liga, agora é a vez do dilema politico-econômico rs

Velho, saca só a crise financeira no Brasil...

O Brasil reduz imposto sobre os produtos (IPI); recebe resposta imediata do mercado; consegue boa imagem lá nos estadays, tanto no quesito mercado internacional quanto no marketing do nosso presidente Lula com direito a elogio, babação de ovo e tudo mais... (nada com paixão partidária, e que Mainardi, com seu radicalismo, rsrsrs, não me veja falando isso. Kkkkk...) até tem entendido direito como fazer na prática, embora a situação financeira ainda esteja preta e braba neguinho...

E esse povo ainda tá nessa de crise meu irmão... que crise, que nada! Ó paí... rsrsrs...

=]

-Tá, tá... pode dizer que nunca viu um texto mais idiota que o meu mas eu tinha que atualizar, ué... rs

Até a próxima.


3 comentários:

Tiago disse...

Bem, que transição de pensamentos do nosso célebre Albert Einstein ao desabafo da celebre Naiane.
Mas como "tudo" depende do referencial, ta valendo e valendo muito.
(felei "tudo", pois para Einstein a velocidade da luz é uma constante)
É uma viagem!!!

Anônimo disse...

pensa!! que tudo o que vc escreve sou fã e gosto muitooooo vc é 10 viu garotinha te adoro muitãooooooooooo Patrícia Matia

Naiane Rodrigues disse...

Patotita, vc é sempre uma amor...
Saudadona de você minha amiga.
Beijocas e obrigada.